rio


Sabe aqueles dias na praia que só chove e faz frio? Foi num dia desses que resolvemos ver Rio em Ubatuba.

Carlos Saldanha não me conhece e, muito menos, o Fábio. Mas parece ter se inspirado em nós dois para criar Blú e Jade. Incrível como nos identificamos com as ararinhas. Eu, cheia de vontade voar por aí; ele, ainda aprendendo como bater as asas. O tempo, no entanto, nos fez aprender que, para andar juntos, precisamos sincronizar o passos – “perna presa, perna solta, perna presa, perna solta…”.

Apesar da questão afetiva, Rio está entre as animações mais bem-feitas que assisti nos últimos tempos. Tem aquela visão romântica da cidade maravilhosa. Mas tem o seu lado “realista”, mostrando, por exemplo, as favelas e os assaltos feitos a turistas – os trombadinhas são representados por engraçados miquinhos. Claro que como uma animação infantil, tem todo seu lado lúdico. Tudo, porém, é extremamente bem elaborado. Na dose certa para grandinhos e baixinhos.

É arte: é difícil escolher o que é arte em um desenho tão bonito graficamente e com uma historinha tão fofa. Como estou sentimental, vou escolher mais uma cena que representa também o começo da história que eu vivi.

É fato: Eu não gosto de a Era do Gelo. Sei lá, acho muito branco. =D

:: RIO – Animação. EUA/2011. Rot./Dir.: Carlos Saldanha. 96 minutos.

Anúncios

5 comentários sobre “rio

  1. Hahahaha, fofa. Linda.

    Perna presa, perna solta, perna presa, perna solta, perna presa, perna solta… Não sei por quê, mas tenho pensado muito nisso nos últimos dias! 😉

    Ah, e adorei o: “Eu, cheia de vontade voar por aí; ele, ainda aprendendo como bater as asas”. UI! Desculpaê, então! 😛

    Carlos Saldanha é craque, manda muito bem. E o Rio é foda, em desenho ou na vida real. Aliás, achei que um dos grandes méritos da animação (com a ressalva de que, claro, é uma animação) é não glamurizar o Rio, não esconder os problemas da cidade. Pô, muito legal!

    Saudade do Rio. E, agora, de Ubatuba também! 🙂

  2. Mas essa minha ararinha é muito fofa! 🙂

    Vale ressaltar que foi você, assim como o Blú, que me ensinou a andar com “perna presa, perna solta, perna presa, perna solta…” Obrigada! (SMACK!)

  3. Ih, nem queria me intrometer nesses comentários cheios de amor (hihi), mas preciso falar: AMO Rio. Amo mesmo, muito muito. Que delícia de filme.

    Mas reconheço que sou uma completa Blu. Hahaha

    Beijos, Karizita!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s